Intimissimi busca plano de expansão

A franquia de lingeries, Intimissimi busca parceiros para acelerar seu plano de expansão no Brasil. Atualmente com 60 lojas, a rede quer inaugurar ao menos 15 novas unidades, até o final deste ano e outras 15 até 2021. No ano passado a Intimissimi à nível mundial registrou faturamento superior a 691 milhões de euros (cerca de R$ 2,8 bilhões). O Brasil foi um dos países que melhor desempenho obteve ao lado das lojas da Espanha, França e Rússia. Esta franquia é um dos braços do grupo Calzedonia, 3º maior conglomerado de moda da Itália, superada apenas pelas marcas Armani e Prado. Atualmente, emprega, cerca de 32 mil pessoas no mundo. No Brasil este mercado está em plena ascensão. Segundo o IEMI – Inteligência de Mercado, as vendas de moda íntima cresceram até 33%, mesmo com a ocorrência da crise econômica. Em 2012 de acordo com a Abit, o País movimentou cerca de R$ 3,6 bilhões, com peças comercializadas e produzidas localmente. Levantamento do IEMI mostra também, considerando-se os principais perfis de consumidoras de moda íntima, que o gasto médio, por compra teve acréscimo de 20% entre 2015 e 2018 saltando de R$ 106 para R$ 127 e a frequência de compra, da mesma forma saltou de 5,2 para 5,5 compra por ano, em média. Da mesma forma, o IEMI mostra que as lojas físicas seguem como canal de compra preferido das consumidoras, através do qual cerca de 72% de todas as suas vendas são realizadas pelas mesmas. (Diário do Comércio/07-02-2019)

OCDBFD0

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.