Máquinas usadas para colher algodão

A expressiva expansão do Brasil no cenário mundial do algodão, provoca problemas de ordem operacional, para os cotonicultores brasileiros com o avanço da área cultivada. Na temporada atual, houve aumento de 40% ante a safra de 2014/2015, quando já soma 1,6 milhão de hectares. Em função disto, não havendo possibilidade de acompanhar esta demanda, fabricantes de máquinas colhedoras e outras acopladas com enfardadoras não terão condições de atender aos pedidos com novas máquinas. Assim estão sendo importadas para o País, máquinas usadas americanas, que chegam a ser vendidas por até US$ 1 milhão. (Agronegócios/Valor/11-03-2019)

3003

(Imagem meramente ilustrativa)

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

Deixe uma resposta