Help! anotado na etiqueta, em loja de Londres

Neste século 21, ainda existem milhares de pessoas vivendo condições análogas dos escravos. Tal anomalia muito comum no segmento de moda, aqui e lá fora. Ao adquirir um vestido por US$ 18, Rebecca Gallagher, numa loja da rede de descontos Primark, em Londres (RU), viu anotado na etiqueta “Somos forçados a trabalhar de forma exaustiva”. O nome do fabricante não foi divulgado. (Istoé Dinheiro – 09/07/2014)

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Curta o IEMI no facebook

>> Siga o IEMI no twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços

 

Deixe uma resposta