Vendas de colchões avançou em 2017

Após dois anos de retração, o volume de vendas de colchões voltou a crescer em 2017, com alta de 1,5%. Este resultado cria expectativas animadoras para redes como a Anjos Colchões e a MC Franqueadora (Casa do Sono, Probel, Ortosono, Sono Art, entre outras), que planejam acelerar expansões neste ano de 2018. Em 2017, foram vendidas 30,9 milhões de unidades frente as 29,650 milhões de 2016. Em valor, chegou a R$ 12,480 bilhões. “ Este quadro otimista para o referido setor está ligado a três fatores: retomada do crédito, melhora na confiança do consumidor e inicio de recuperação do mercado imobiliário já que o consumidor tende a comprar um colchão novo quando troca de imóvel”, explica o diretor do IEMI – Inteligência de Mercado, Marcelo Prado. Diante do novo cenário, Prado prevê que o volume de vendas de colchões cresça entre 2,8% e 3% este ano além de ponderar que “os indicadores de crédito tem crescido, os juros e inflação estão em queda. Tudo isso favorece os bens duráveis, entre eles os colchões”. (DCI/SP/11-01-2018)

2153_1

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.