Varejo de moda mostra vendas em alta

Neste ano, segundo o IEMI – Inteligência de Mercado, que elabora e publica anualmente inúmeros estudos envolvendo o varejo de moda, o faturamento deste segmento R$ 204,3 bilhões o qual se atingido, representará aumento de 6,3% sobre o ano de 2017, e cuja estimativas, o coloca no patamar de R$ 192 milhões.  Em peças, a expectativa sobre 2017, e que tenham sido comercializadas 6,3 bilhões de peças com avanço de 3,2% ante 2016. No contexto nacional, do segmento varejista de moda é notável a crescente força do varejo nordestino, em especial no Ceará. De acordo com o Sindicado dos Lojistas de Fortaleza (Sindilojas), 30% dos empregos do varejo nessa capital, considerando as afiliadas à entidade, são em negócios de moda. O presidente do mesmo,  Cidi Alves, destaca ainda, que “a geração de impostos por parte do varejo ligado à moda é a maior, juntamente com a perfumaria e os cosméticos”. (Diário do Nordeste/Fortaleza/09-04-2018)

1975

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.