Vai continuar na França

O segundo maior bilionário francês, Bernard Arnault (estimativas dão conta de € 22 bilhões) que comunicou em setembro de 2012, que iria transferir-se para a Bélgica, devido a aplicação de um imposto, de 75%, por dois anos, sobre salários acima de € 1 milhão, criado pelo governo francês, anunciou ontem, dia 10, que continuará em solo francês. É dono das marcas de luxo da LVMH (Louis Vuitton, Dior, Bulgari e outras). O ator francês, Gérard Depardieu, também, em função desse imposto pediu e recebeu, por parte da Rússia, cidadania russa. Ali, o imposto é de apenas 17%. (Estadão – 11/04/2013)

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Curta o IEMI no facebook

>> Siga o IEMI no twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.