Reebok busca o lutador

A marca Reebok, da alemã Adidas, objetivando retomar a liderança do mercado de acessórios de fitness, no Brasil, perdida há mais de 10 anos, irá na busca do esportista que pratique qualquer tipo de combate. Segundo seu diretor de negócios, Michael Lunardelli, da Reebok Combat Training, o Brasil é hoje o rival direto dos EUA em números de academias que se fazem presentes em 140 países do mundo. Até março passado, deste ano, a nível global este grupo alemão, faturou E 4,1 bilhões com avanço de 17% sobre igual período de 2014. (Valor/12-08-2015)

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.