Quer dobrar o faturamento até 2018

A Panasonic, no Brasil, vai produzir menos TVs e ampliar outros negócios objetivando dobrar seu faturamento até 2018. Em 2014, seus negócios corporativos (B2B) representavam 18%. Para 2018 deverão ser 25%. Assim, para alcançar tal meta projeta recuar sua receita em TVs de 43% para 20%.  Deverá ganhar força na produção de geladeiras e lava-roupas que em 2014 chegaram a 23% e deverá atingir 35% em 4 anos. Em 2014, no Brasil, faturou cerca de US$ 640 milhões. (Valor/16-10-2015)

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.