Quase R$ 1 milhão de indenização

O Ministério Publico do Trabalho firmou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com duas fornecedoras da rede varejista de roupas, Renner, por violarem os direitos de trabalhadores bolivianos, atuando com profissionais de oficinas confeccionistas de roupas, são elas: Kabriolli Ind. E Com. de Roupas e a Ind. Têxtil Betilha. A indenização aplicada chega a quase R$ 1 milhão. (Estadão/03-12-2014)

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Curta o IEMI no facebook

>> Siga o IEMI no twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.