Protestaram de carteira na mão

Por 230 a favor, 203 votos contra e 4 abstenções, a Câmara aprovou ontem a terceirização geral e restrita. Numeroso número de parlamentares, dos que votaram contra, fizeram um momento de protesto, mostrando suas carteiras de trabalho. No Senado, poderá sofrer restrições. (Da Mídia/23-04-2015)

 

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.