Poliéster “verde” no Brasil com investimento de € 80 milhões

A italiana Bi-On, dona de tecnologia de polímeros a partir de subprodutos do açúcar, da beterraba ou da cana, firmou acordo de licenciamento com a holding de participação Moore Capital, para construir no Estado de São Paulo a primeira fábrica de poliéster “verde” do Brasil. Na mesma, serão investidos € 80 milhões e outros € 5 milhões para licenciamento desta tecnologia, dessa empresa italiana. No Brasil, a Braskem, desde setembro de 2010, tornou-se a primeira produtora do mundo de polietileno “verde” a partir do etanol de cana, cuja fábrica possui capacidade para 200 mil toneladas/ano. (Valor/15-09-2015)

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.