Poderá superar o Natal de 2015

Para Marcelo Villin Prado, do IEMI – Inteligência de Mercado, a crise fez o setor de vestuário regredir. De acordo com sua previsão, as vendas desse segmento deverão cair 5,9%, em volume de peças, após a redução de 5,5% em 2015. Para 2017 crê no crescimento de 2% em termos de produção de peça e 2,5% nas vendas do varejo. Neste Natal, para ele, o desempenho poderá superar o de 2015. “E chega uma hora que a pessoa tem de comprar alguma peça de roupa, não tem jeito”, concluiu ele. ( Diário do Comércio /24-11-2016/ http://www.dcomercio.com.br/categoria/leis_e_tributos/sem_caixa_confeccao_deixa_de_pagar_contribuicao_obrigatoria )

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

 >> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.