O importo sobre importados e sua repercussão

Para o setor calçadista, o novo imposto de 9,25% para 11,75%, sobre os importados, segundo o presidente da Abicalçados, Heitor Klien: “tal acréscimo poderá tornar a produção nacional mais competitiva”. A direção da calçadista Grendene, considera que: “a redução na oferta de importados poderá provocar elevação no preço dos nacionais devido a restrição de oferta”. Quanto aos têxteis, a entidade Abvtex, informou: “é ainda muito cedo, mas deverá provocar um efeito nos preços ao consumidor o que preocupará os varejistas”. Por sua vez, a Abit, preferiu não comentar o assunto. (Valor/21-01-2015)

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Curta o IEMI no facebook

>> Siga o IEMI no twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.