Notícias: Elas estão no Bom Retiro e nem aí para as lamúrias de outras

Ocupando a região do Bom Retiro, no passado, foi a vanguarda das confecções de malharias, do Brasil, através da colônia israelita que hoje acomoda a região com coreanos e outros. Dados do CDL/Bom Retiro (órgão dos lojistas da região) mostram que no período de2007 a2011 o número de fábricas ali passou de 1.000 para 1.400. Seu público circulante, naquela região foi estimado, para 2011 em 200 mil pessoas contra 170 mil de 2007. Lá estão cadastradas, cerca de 1.600 lojas e confecções. Destas, 70% são de origem coreana. 80% oferecem moda feminina, 20% possuem moda masculina, lingerie, infantil, aviamentos, acessórios e máquinas. 60% do seu público comprador são donas de boutiques e pequenas lojas. As restantes, são sacoleiras. (Folha de S. Paulo)

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

Curta o IEMI no facebook

Siga o IEMI no twitter


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.