Notícias: E agora?

O político chinês Li Kegiang, em 2007, alertou que o cálculo do PIB chinês partia de números artificiais. Agora, investidores, banqueiros e economistas tentam decifrar o fato da taxa de crescimento do consumo de eletricidade cair mais rapidamente do que a do PIB. Recuou para uma expansão anual de 4% em junho, enquanto o PIB ficou em 7,6%. Vale lembrar, também, que o referido Li Kegiang será o primeiro ministro da China em 2013. (Valor Econômico – 18/07/2012)

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Curta o IEMI no facebook

>> Siga o IEMI no twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.