Notícias: Brinquedos brasileiros, não deverão ir além de 6%.

Face a incontrolável entrada dos brinquedos chineses, a indústria nacional, que antes projetava 15% sobre 2010, agora não vê possibilidade de ir além de 6%. (Fonte: Abrinq)


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.