Notícias: Aqui o casual, no México terno e gravata

Do presidente da Zegna, Gildo Zegna em entrevista especial, em Roma (Itália) para o jornal Valor Econômico de hoje, dia 16, o blog do IEMI destacou:

 

“O faturamento do grupo chegou a 1 bilhão de euros em 2011 (21% mais que 2009) alicerçados nos Brics[…]. Surgida em 1910 em Trivero, na região do Piemonte, tem hoje 7 mil funcionários[…]. No Brasil, por ora, temos apenas duas lojas (Brasília e Rio de Janeiro) e preparando mais uma em São Paulo (Iguatemi JK) […]. Comparado com o México, o Brasil é mais casual, informal, lá eles gostam do terno e gravata […]. Na China, já estamos há 21 anos, onde fomos a primeira etiqueta de moda luxo […]. No Brasil o problema é que nossos produtos são os mais caros do mundo. É uma lástima, porque após o pagamento das tarifas alfandegárias e dos impostos, nossa roupa fica caríssima, o que limita o seu consumo.”

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

Curta o IEMI no facebook

Siga o IEMI no twitter


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.