Nestlé no mundo e no Brasil

De acordo com o presidente mundial da Nestlé, Paul Bulcke: “O Brasil passa por uma fase de turbulência política e a economia foi um pouco sacrificada”. Sobre o atual governo de Michel Temer, respondeu: “Não sei. Ainda há muita tensão, elas não acabaram”. Para este ano, à nível global, a empresa reduziu suas previsões (sem aquisições) de 4,2% para 3,5%. No Brasil, com o aumento dos seus preços em junho, o faturamento cresceu mais que o volume vendido. Mas conseguiu, neste ano, resolver no País um impasse que se prolongou por 14 anos – finalizou a fusão Nestlé e Garoto. No mundo, entre janeiro e setembro, teve alta de 3% que representou o mais baixo resultado em 10 anos. Neste particular, Bulcke, informou: “A crise financeiro, nos atingiu há 8 anos e muita gente falou que a recuperação ainda pode durar mais 10 anos”. (Valor/20-10-2016)

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

 >> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.