Na mídia: Alpargatas paralisa operações por 15 dias na Argentina

A rede de calçados dona da marca Havaianas diz que a paralisação tem como objetivo reduzir os estoques das fábricas

A fabricante de calçados Alpargatas não enfrenta um cenário muito animador na Argentina. E o Brasil aparece como pivô dessa história.

A empresa anunciou a paralisação de cinco fábricas destinadas à confecção de calçados, localizadas em Buenos Aires, La Pampa, Tucumán, Catamarca e San Luis. O motivo da suspensão, que afetou cerca de três mil funcionários seria uma estratégia da Alpargatas de reduzir o estoque que tem sido prejudicado pela queda nas vendas ao Brasil. O anúncio feito pela empresa, comandada por Márcio Utsch, amplia a informação publicada pela mídia argentina que dava conta apenas da paralisação de uma planta.

Segundo a Alpargatas, as fábricas estão paradas desde o início da semana e devem ficar assim até o dia 23 deste mês, quando os trabalhadores possivelmente retornaram para as atividades. “Durante as duas semanas, os funcionários receberam treinamento e antecipação das férias”, informou a companhia.

E essa não é a primeira vez que os empregados argentinos da Alpargatas são obrigados a ficar em casa. Em maio deste ano, a companhia, dona das marcas Havaianas e Mizuno, chegou a suspender por cinco dias cerca de 20% de sua força de trabalho.

E o novo fato já tem deixado os analistas que acompanham a empresa estão cautelosos, já que não houve nenhum pronunciamento da companhia à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Comércio internacional

Segundo o relatório Brasil Calçados 2012 elaborado pelo Instituto de Estudos e Marketing Industrial (IEMI) o Brasil é considerado como o oitavo maior exportador de calçados do mundo.Olevantamento mostrou que em 2011 foram exportados 113 milhões de pares, uma queda de 21% sobre o ano anterior

Veículo: Brasil Econômico

 

>> Leia a matéria na íntegra

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Curta o IEMI no facebook

>> Siga o IEMI no twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.