Na China, com cuidado chegam-se aos negócios

O correspondente, em Paris, do OESP, Gilles Lapouge, no final de seu artigo “Um francês na China”, de hoje, acolhe conselho do professor francês Jean-Louis Rocca, da Escola de Ciências Políticas: “Na China, os ocidentais devem falar da questão dos direitos humanos, sem falar nela. E os chineses devem se irritar sem se irritar.” Rocca explica: “Pois, antes de mais nada, é preciso fazer negócios”. (Estadão – 25/04/2013)

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Curta o IEMI no facebook

>> Siga o IEMI no twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.