Moda infantil, no varejo deve crescer entre 7% e 8%

Por tratar-se de produto necessário, a área de moda infantil/bebê avança mais do que outros itens de vestuário. O seu varejo poderá crescer 7,8%, movimentando cerca de R$ 24 bilhões. Dados do IEMI – Inteligência de Mercado, o qual vê no varejo de moda infantil uma tendência a crescer mais por serem itens ligados à necessidade de compra. “A demanda está aumentado, mais ainda não é suficiente para consumir toda a oferta que está no mercado. As empresas desse segmento terão que se mexer por que a retomada será lenta e não para todas”, diz o diretor desse instituto de pesquisas, Marcelo Villin Prado. Ainda segunda Prado, para se destacar “nesse cenário ainda complicado os varejistas de moda infantil precisam buscar inovação dentro do segmento”. Prado avalia também: “As lojas deverão fazer uma leitura sobre o que o consumidor está procurando”. (DCI/25-05-2017 – Matéria original)

Dollarphotoclub_70400522

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.