Melhor gestão de custos e redução de despesas

As redes varejistas de vestuário e calçados tiveram resultados líquidos frustrantes no terceiro trimestre frente a igual período de 2015. Das 8 empresas em operações na Bolsa duas aumentaram seus lucros na relação com o segundo trimestre. Alpargatas de R$ 62,2 para R$ 84,5 milhões e Arezzo de R$ 30,4 para R$ 35,4. Três apresentaram redução: (em milhões de R$) Renner de 174,8 para 84,9, Hering de 61,7 para 57,5, e Riachuelo (RCHLO) de 36,3 para 17,8. Uma aumentou seu prejuízo de -18,4 para -46,4 (Marisa) e Restoque (Le Lis Blanc e outros) reduziu seu prejuízo de -12,8 para -8,8. Todas estas, companhias, fizeram melhorias na gestão de custos e despesas ao longo do ano. (Valor/14-11-2016)

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.