Meio bilhão para capitalizar

A possível fusão das companhias de moda, Restoque e Inbrands que não ocorreu em 2014, poderá acontecer agora conforme carta de intenção nesse sentido assinada entre as partes na última quinta-feira, a noite, dia 3. Mas para tanto haverá necessidade de uma capitalização da ordem de R$ 500 milhões, segundo fontes conhecedoras da negociação. Os fundos de private equity Warburg Pincus e Advent International, acionistas da Restoque, ainda não se decidiram se irão aderir. Se participarem, seus atuais acionistas poderão responder por 100% da capitalização. O processo de fusão poderá ocorrer se a fase da auditoria legal (due diligence) que poderá levar de 3 a 5 semanas quando os números divulgados pelas partes se confirmarem. Ambas, operando no vermelho, face ao cenário se reaproximaram novamente. (Valor/07-06-2016)

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.