Lá, assume culpa e pede renuncia

O ministro da economia do Japão, Akira Amari acerca de suposto estorno envolvendo sua pasta e uma empresa de construção disse à imprensa: “Qualquer coisa que afete isso tem de ser eliminado, e não sou exceção. Eu, portanto, gostaria de renunciar como ministro para assumir a responsabilidade pelo que meu assessor fez”. (Estadão/29-01-2016)

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.