IR sobre lucro e dividendos no lugar da CPMF

O COFECON – Conselho Federal de Economia, sugere a através do seu presidente, Paulo Dantas, a reimplantação do IR sobre lucros e dividendos extinta em 1995 a qual poderá render ao governo algo muito maior que a CPMF. Segundo ele, aplicando-se a tabela progressiva a partir de 15% e até 27,5% admite-se obter uma receita extra de cerca de R$ 59 bilhões anuais, já a partir de 2016. Ainda, a cerca de mesma, lembra Dantas que dentre os 36 países que fazem parte da OCDE, 35 deles que fazem parte possuem este tipo de taxação. (Monitor Mercantil/SP/30-11-2015)

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.