Investir e inovar para exportar e sobreviver

A recente conferência da Abit, em São Paulo (junho último), apontou que o setor têxtil brasileiro deve investir e inovar para exportar e sobreviver. Na mesma que contou com mais de 400 delegados, os mesmo foram informados de que as 33 mil empresas do setor de têxteis (fios, tecidos e confecções), terão de acelerar seus planos de desenvolvimento e investir em inovação. Os participantes também se mostraram otimistas com a atual política de governo que poderá lhes ajudar a prosperar após a saída da presidente Dilma Rousseff, em razão do impeachment em andamento. (WTin/junho-2016)

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

 >> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.