IEMI apresenta números e dados calçadistas

Em coletiva para a imprensa, foi divulgado ontem, o Relatório Setorial da Indústria de Calçados do Brasil do Instituto de Estudos de Marketing Industrial (IEMI). A pesquisa independente, que monitora a produção e consumo do setor no País, tem apoio da Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados) e foi apresentada no estande da entidade durante a Francal.
Conforme adiantado na edição de ontem do jornal Exclusivo, a produção de calçados cresceu 5,5% em volume de pares em 2012, em comparação com 2011. Em termos de valor, foi atingida a marca de R$ 23,9 bilhões, registrando aumento de 9,8% em relação a 2011. Como alertou o diretor do IEMI, Marcelo Prado, no entanto, o crescimento concentrou-se no segmento de calçados de borracha ou plástico.
O presidente-executivo da Abicalçados, Heitor Klein, destacou que a produção de chinelos e sandálias cresceu 25% no ano passado, enquanto que as exportações caíram 16%. Para ele, o desempenho no mercado internacional deve-se a três fatores que atingem as fabricantes brasileiras, que são carga tributária e custo da mão de obra elevados, além de uma moeda supervalorizada. A elevação do câmbio, assim como as ações ligadas à tributação implantadas pelo governo e que favorecem a produção, no entanto, podem sinalizar uma retomada para as exportações.
Também participaram da apresentação o presidente da Francal Feiras, Abdala Jamil Abdala, que também comentou uma possível retomada das vendas externas, e o presidente do Sindicato da Indústria de Calçados de Franca (Sindifranca), José Carlos Brigagão do Couto, que elogiou o movimento durante os dois primeiros dias da feira. “Devemos garantir vendas para três meses de produção”, comemorou.

>> Leia a matéria na íntegra

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Curta o IEMI no facebook

>> Siga o IEMI no twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.