Ferragamo perde sua impulsionadora

Wanda Ferragamo, de 96 anos, e que operou na empresa até os seus 90 anos, faleceu na Itália, na última sexta-feira, dia 19/10. Aos assumir há 50 anos atrás a gestão dessa empresa de moda, nascida em 1938, com a morte de seu marido Salvatore Ferragamo, fez dessa marca uma das empresas de gestão familiar mais bem-sucedidas na Itália, que envolve vestuário, bolsas, calçados, perfumes, relógios de pulso e óculos. A mesma acumula cerca de 350 patentes e criou 20 mil modelos de calçados de acordo com a revista Volgue. A empresa que hoje é administrada pelos seus filhos conta com 4 mil funcionários e em seu mais recente balanço mostrou receita de E 1,4 bilhão anuais. (Empresas/Valor/22-10-2018)

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.