Fábrica de embalagens vende unidade da Bahia

A americana MWV Rigesa, segunda maior produtora de embalagens de papelão ondulado, se desfez de uma fábrica na Bahia, por inadequação ao seu suporte econômico e projeta ampliar sua produção em 50% nos próximos cinco anos. Neste mercado onde a líder é a Klabin, a quinta maior produtora, deste setor, o grupo Penha (fundado em 1961), da família Funabashi, foi a compradora da referida unidade produtora baiana, com o intuito de melhorar sua posição no Nordeste e cuja estrutura fabril é composta por sete unidades (SP, PR e BA) e produz 15 mil toneladas de embalagens, por mês. (Valor – 18/06/2013)

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Curta o IEMI no facebook

>> Siga o IEMI no twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.