Do Tesouro Nacional (R$ 8,1 bilhões via FGTS para o Minha Casa)

O programa “Minha Casa Minha Vida” receberá R$ 8,1 bilhões através do FGTS para bancar moradias destinadas à famílias de baixa renda no programa de realizações para o período de 2015/2016. Neste ano, seriam R$ 3,3 bilhões e possível aporte de R$ 4,8 bilhões em 2016. Os recursos anteriormente alocados pelo Tesouro Nacional, agora advirão do FGTS, afundo perdido, conforme decisão de grupo de 24 membros que controla o programa Minha Casa Minha Vida, do quais metade são representantes do governo. Da decisão, uma central sindical votou contra e outros 2 integrantes de abstiveram. (Estadão/08-10-2015)

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.