Demanda interno de móveis poderá crescer

Levantamento do IEMI – Inteligência de Mercado, projeta que cerca de 404 milhões de peças de móveis serão produzidas este ano, alta de 1,5% na comparação com 2016, quando a produção teve queda de 7,3% sobre 2015. “O mercado moveleiro deverá apresentar o inicio da retomada com saldo positivo, o que não se registrava desde 2014, quando se intensificaram as instabilidades econômicas no País”, ressalta o diretor do IEMI, Marcelo Villin Prado. Segundo o vice-presidente da Movergs, Rogério Frâncio: “Observamos um segundo semestre mais positivo, puxado pelo varejo, com uma relativa volta da confiança que vai garantir um crescimento para a indústria”. (Jornal DCI/14-09-2017)

Dollarphotoclub_58419415

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.