Cortou R$ 238 milhões e terminou com superávit

O Governador do Estado do Espírito Santo, Paulo Hartung (PMDB), ao tomar posse no dia  1 de janeiro de 2015, assinou decreto prevendo corte de R$ 238 milhões, objetivando preparar-se para a crise que se anunciava. Algumas semanas depois efetuou revisão total do orçamento estadual e realizou corte de R$ 1,3 bilhão. Ao fechar 2015, apresentou superávit de R$ 206 milhões, ante um déficit de R$ 988 milhões de 2014. (Valor/18-02-2016)

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.