Cortar e desacelerar

Em meio à turbulência financeira, institucional e operacional da Petrobras, a sua direção revê o Plano de Negócios desta estatal e decide por fazer o seu redimensionamento segundo palavras da sua presidente. Para tanto, cortes de investimentos e desaceleração de projetos serão feitos para evitar o aumento de suas dívidas. Se tudo acontecer de acordo com os novos planos, a outrora grandiosa Petrobras, poderá chegar em dezembro deste ano com um modesto caixa de R$ 8 bilhões. Frente a todos os desmandos, ele perdeu em 2 dias (28/29) nada menos que R$ 16,7 bilhões do seu valor. (Estadão/30-01-2015)

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Curta o IEMI no facebook

>> Siga o IEMI no twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.