Conveniência e segurança na compra de vestuário

Embora fosse esperado que, com a recessão, os consumidores abrissem mão dos shopping centers, onde os preços dos produtos de moda tendem a ser mais elevados do que nas lojas de rua, eles continuam a priorizar a conveniência e a segurança destes centros de compra. De meados de 2014 a meados de 2016, o número de shopping centers no País cresceu de 495 para 549, onde foram abertas nada menos que 7 mil novas lojas, que comercializam artigos de moda.

Ainda assim, nas cidades onde estes centros comerciais não existem, ou ainda são raros, as lojas do centro da cidade (de rua ou em galerias), mais baratas e com boa dose de conveniência, aumentaram em quase 40% a atração de consumidores com menor renda. Sua empresa entende a dinâmica dos consumidores no ponto de venda? O IEMI pode ajudar!

OEKW3C0

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.