Compartilhando da mesma opinião

Olá senhor Marcelo, bom dia!

Acabo de ler o artigo “Notícias: Oferta e Demanda – Rede de Varejo de Moda Cada Vez Mais Fortes” escrito pelo senhor e postado em 24 de maio de 2012 no boletim do IEMI.

Acompanho mensalmente os boletins que recebo e repasso para meus alunos, pois considero muito importantes as análises feitas a respeito do setor, para que possamos entender e saber como interagir profissionalmente nesse mercado.

Mas, em particular, este artigo me chamou mais atenção por ser um retrato do qual eu vivencio, compartilho da mesma opinião e pretendo estudas mais a fundo. Isso porque trabalho com o mercado do atacado há 10 anos, como estilista, e não tenho observado melhoras, pelo contrário, as vendas caem vertiginosamente e podemos observar que algumas multimarcas que compravam de atacadistas estão adquirindo diretamente do fornecedor de produto acabado, já que o mesmo se sujeita, atualmente, a produzir uma quantidade menor. E este ciclo vicioso só interfere de forma negativa no comércio do atacado.

Sou aluna especial do mestrado de moda e têxtil da USP e meu projeto visa justamente estudar as transformações do mercado atacadista desde a abertura dos potos, no governo Collor, até seu estado atual para tentar traçar uma linha de evolução e projetar ações para o futuro…já que também acredito, assim como o senhor, que este mercado da maneira como ocorre hoje está com os dias contados.

Por isso venho por meio desta mensagem parabenizar pelo escrito em questão, muito pertinente.

Agradeço imensamente e espero que as pesquisas do IEMI continuem nos informando de forma clara, didática e objetiva.

 

Att,

 

Kátia Pinheiro Lamarca

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Curta o IEMI no facebook

>> Siga o IEMI no twitter

>> Conheça nossos estudos 


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.