Classes A e B elevam compras de calçados

Após três anos de crise, os consumidores apresentam nova disposição para comprar calçados. As classes A e B, aumentaram o ritmo de compra e as marcas com coleções mais sofisticadas, tendem a saírem-se melhor à medida que o cenário macroeconômico se recupera. Estudo recente do IEMI – Inteligência de Mercado, com 1.252 consumidores, indicou que num período de 12 meses encerrado no primeiro trimestre, deste ano, a frequência de compra foi de 3,8 neste ano, contra 3,6 em 2014, quando essa pesquisa foi realizada pela última vez. A mesma, revelou também que o valor gasto por compra aumentou 12% para R$ 215,84 ante média por compra de R$ 191,87 há três anos. O preço médio dos calçados, nesse mesmo período teve aumento 10%. Ainda de acordo com dados do IBGE a produção no acumulado de janeiro a abril, deste ano, cresceu 4,1% em comparação ao mesmo intervalo do ano passado. (Valor/13-06-2017)

Fotolia_81180735_S

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.