Varejo de vestuário em trajetória ascendente

  Neste último trimestre de 2017, o varejo de vestuário em relação a igual período de 2016, assim como o próximo 2018 continuará em trajetória ascendente, é o que prevê o IEMI – Inteligência de Mercado, para 2017, o volume em peças deverá ter crescimento de 6,5% alcançado 6,15 bilhões de unidades. Em valor nominal… [leia mais]


Sul e Nordeste, os maiores nos calçados femininos

As regiões Sul e Nordeste concentram a maior produção de calçados femininos em volume de pares no Brasil  (40,7% e 40,1% consecutivamente). A região Sudeste participa com 18,6% e a Norte/Centro-Oeste, com apenas 0,6%, considerando o ano de 2016. Em relação aos canais de distribuição, o varejo especializado em calçados femininos, correspondem a mais de… [leia mais]


O consumidor de calçados e o varejo

O valor médio gasto por compra (ticket médio) pelos consumidores de calçados, de acordo com estudo do IEMI sobre o comportamento do consumidor realizado no inicio deste ano (2017), foi elevado em mais de 12%, passando de uma média de R$ 191,87 para R$ 215,84 por compra, comparado ao levantamento realizado em 2014. Em que… [leia mais]


Juntas deverão faturar R$ 522 milhões em 2018

O grupo Uni.co, dono das redes Imaginarium, Ludi e MinD, fechou contrato vinculante para comprar 100% das ações da Puket, do grupo Dobrevê, dono da Malwee, que comprou esta em 2013 e conta 160 lojas no País e 12 no exterior. Para este ano, as redes da Uni.co, controlada pela Squadra Investimentos, que administra fundos… [leia mais]


Setor de calçados retoma crescimento, analisa IEMI Inteligência de Mercado

Os últimos dados do IEMI Inteligência de Mercado são positivos para o setor calçadista. De acordo com seu último estudo sobre o setor, no ano de 2016, a produção de calçados, em volumes, já apresentou leve recuperação de 0,6% (cerca de 948 milhões de pares) em relação a 2015, primeiro resultado favorável da produção em… [leia mais]


Preços praticados no Varejo de Roupas de Cama, Mesa e Banho

O preço médio dos artigos de cama, mesa e banho no varejo vem apresentando altas consecutivas, considerando os últimos 5 anos (2012 a 2016) a variação foi de mais de 30%, considerando um preço médio de R$ 22 para aproximadamente R$ 29. Os canais de distribuição também apresentam grande disparidade nos preços médios, sendo encontrados… [leia mais]


A relevância da Vitrine para o Vestuário

De acordo com o estudo lançado este ano pelo IEMI – Inteligência de Mercado, sobre o comportamento de compra do consumidor de vestuário, cerca de 20% dos consumidores disseram ‘sempre’ rejeitar uma loja caso não gostem da vitrine. As mulheres mostram-se mais sensíveis em relação ao tema, onde 23% indicaram esta posição. Entre os homens,… [leia mais]


Investimentos de máquinas na indústria de móveis

Em 2016 foram investidos R$ 962,3 milhões na indústria moveleira, aproximadamente 59% dos valores se destinavam à aquisição de novas máquinas e equipamentos e os 41% restantes para as instalações industriais e o treinamento de pessoal. Em relação às máquinas importadas, a Alemanha se manteve líder no fornecimento ao Brasil de máquinas para madeira, participando… [leia mais]


A marca Hickies, para calçados, chega ao Brasil

A Hickies, criada em 2012 nos EUA e presente em 47 países, agora desembarca no Brasil vendendo o conceito de um novo cadarço em uso nos tênis ou outros tipos de calçados. No momento traz um tamanho único e em 13 cores, além do branco, cinza e preto. É composto por um elastômero de alta… [leia mais]


O dormitório no varejo de móveis planejados

Dentre as linhas de produtos comercializadas nas lojas de móveis planejados, os móveis para dormitório são os mais vendidos, participando com 34,9% em número de peças, considerando o ano de 2016. Na sequência estão os móveis para cozinha (com 29,6%), as demais linhas respondem juntas por 35,5%. Embora este canal do varejo de móveis tenha… [leia mais]