Calçadista feminina cresce 14%

Christine Nogueira Grings, presidente do grupo calçadista Piccadilly, em entrevista ao jornal Valor, de hoje, explica que essa marca mudou o seu posicionamento, no segmento feminino de calçados. Segundo ela: “… através de uma evolução da marca que passou a ter mais informação de moda e mais inovação em design sem abrir mão do conforto”. Em 2017, a calçadista A. Grings, da marca Piccadilly, que ainda não fechou o seu balanço, teria tido uma receita bruta de R$ 394 milhões, mostrando crescimento de 14% ante 2016 (R$ 345,7 milhões). (Empresas/Valor/14-02-2018)

Dollarphotoclub_69177930

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.