A salvação poderá se tornar ameaça

A China com US$ 3,7 trilhões, em reservas internacionais, poderão ajudá-la a resistir a novos choques. Mas a meta de crescer 7% em 2015 será menor em cerca de 25 anos. Ontem, naquele país asiático, o Índice Xangai Composto despencou 8,5%. As dificuldades do governo chinês, nos últimos meses, levaram muitos investidores a ver a China como uma ameaça, e não uma salvação para a economia global. (WSJ.com/Brasil/Valor/25-08-2015)

 

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.