A retomada no setor de cama, mesa e banho

A produção de artigos têxteis para cama, mesa, banho, copa/cozinha e decorativos, como um todo, vem caindo de maneira uniforme desde 2014. Neste período, a disponibilidade interna destes artigos, em número de peças, caiu 16,5% em 2016 em relação a 2014, queda muito atribuída à produção que recuou mais de 12%, bem como a importação que recuou mais de 40% neste período.

Para 2017, as estimativas do IEMI já apresentam o início da retomada do setor, em que se espera um crescimento de 3% na produção e crescimento de mais de 19% nas importações em relação a 2016, graças à baixa estimativa no câmbio, que tende a fechar na média de R$ 3,22 este ano. Assim, a disponibilidade interna de artigos têxteis para o lar também deverá apresentar índice positivo, em número de peças, cerca de 4,2%. Sua empresa está acompanhando os desempenhos do mercado? O IEMI pode ajudar!

Dollarphotoclub_75857342

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.