A Inbrands, de moda, aguarda 2018 para voltar ao lucro

“Um ano ou mais serão necessários para a Inbrands voltar a lucrar”. São palavras do presidente, Nelson Avarenga (fundador da Ellus), dessa gestora de marcas de moda, como Richards, Salinas, VR, Tommy Hilfiger e a própria Ellus. Para tanto, ele que possui 39,41% das ações da mesma, através da NABR, assumiu esse cargo em novembro de 2016 quando além de outras medidas cortou 30% das linhas de produtos. Por enquanto, essa gestora não apresentou seus resultados em 2016. Entre janeiro e setembro de ano passado registrou queda de 8,7% na sua receita liquida (R$ 610,9 milhões) e recuou 52,8% de seu lucro (R$ 48,6 milhões), antes de juros, impostos, depreciação e amortização. (Valor/28-03-2017)

Dollarphotoclub_67758106

Fique por dentro do mercado de Moda e Decoração

>> Conecte-se ao IEMI no LinkedIn

>> Curta o IEMI no Facebook

>> Siga o IEMI no Twitter

>> Conheça nossos Produtos e Serviços


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os comentários são sujeitos a moderação antes de serem publicados. Campos obrigatórios são marcados com *.